SP: MTE interdita içamento de vigas de monotrilho

23 de junho de 2014 post-viga-monotrilho

O Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) anunciou uma mudança no sistema de içamento, lançamento e fixação das vigas na obra do monotrilho da Linha 17-Ouro, onde a queda de uma viga matou um operário e feriu outros dois no último dia nove. De acordo com a decisão, fica suspenso o modo atual de içamento usado pelo consórcio responsável pela obra. As informações são do Bom dia SP.

Os auditores passaram três dias na obra, analisando materiais e operações. Segundo os técnicos, quando as vigas são colocadas nas colunas elas são presas com pinos e ficam instáveis, pendendo para um lado ou outro. As demais etapas da construção não devem ser interrompidas.

O monotrilho, sistema de trens elevados, vai ligar o bairro do Morumbi ao Jabaquara, passando pelo Aeroporto de Congonhas, que fica próximo ao local do acidente. Serão ao todo 18 quilômetros de trilhos e18 estações, com interligações com linhas do metrô e da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM).

Por meio de nota, o Metrô disse que exigiu do Consórcio Monotrilho Integração , responsável pela obra, a apuração rápida das causas do acidente. O consórcio é formado pelas empresas Andrade Gutierrez, CR Almeida, Scomi e MPE.

Fonte – Terra

Deixe um comentário

Digite os caractéres abaixo

Por favor, digite os caracteres desta imagem na caixa de entrada

Rua José Pascowitch, 153 - Raposo Tavares - CEP 06149-070 - Osasco - SP - Telefone: (11) 3508-0900

Consultoria SEO